terça-feira, 16 de outubro de 2012

Uma Cidade Olímpica também se constrói sem concretos ou tijolos


Comunidade esportiva carioca lança diversos movimentos em prol de uma prática esportiva mais segura e sustentável
O que a comunidade esportiva carioca, por meio da criação de diversos movimentos socioesportivos ambientais vem propor é o alinhamento dos valores do esporte aos da sustentabilidade. O Fórum Brasileiro de Surf e Sustentabilidade (FBSS), por exemplo, articula surfistas na proteção das zonas costeiras, gerando cooperação e troca de conhecimentos em rede. O movimento Mentes de Ferro acredita que “só teremos grandes atletas e um grande país, se formarmos grandes seres humanos”, por isso busca despertar as mentes sustentáveis que existem em cada um. “Salvemos São Conrado” é outro exemplo de mobilização para combater a sujeira na praia carioca.

Além da Copa do Mundo em 2014, o Brasil será o primeiro país da América do Sul a sediar os Jogos Olímpicos de Verão. O Rio de Janeiro será sede das Olimpíadas, em 2016 e é Patrimônio Cultural Mundial pela UNESCO. A norma ABNT NBR ISO 20121 foi lançada em julho de 2012 e exigirá da comunidade esportiva melhores estratégias corporativas e individuais. Os Jogos Olímpicos de Londres seguiram a norma e foram certificados como “Jogos Verdes”. 

De que a cor queremos que sejam os megaeventos por aqui? Para sermos "verde" o trabalho já tem que ter começado, e não é só de concreto ou tijolos que se constrói uma sociedade mais verde e inclusiva. O movimento Mentes de Ferro, fundado há um ano por um grupo de jornalistas, fotógrafos, atletas, paratletas e empreendedores individuais, por exemplo, começou como um grupo em uma rede social, vai virar uma fun Page e tem muitos outros planos até 2016. O trabalho dessas mentes sustentáveis e atléticas se consiste, entre outras tarefas, em levar elementos de sustentabilidade aos eventos esportivos na cidade.

MOVENDO-SE PARA SOCIEDADES + VERDES E INCLUSIVAS POR MEIO DOS MULTIESPORTES
 foto:Andrea Roquette
Pela primeira vez na história dos 30 anos do Triathlon no Brasil, foi feita coleta do lixo flutuante do mar durante uma prova de natação. A limpeza aconteceu no dia vinte e seis de agosto deste ano, durante a realização da segunda etapa do campeonato estadual da modalidade. O responsável pela inédita limpeza do mar em uma competição esportiva do tipo no Rio foi o projeto Ecoboat, que por intermediação do movimento Mentes de Ferro, disponibilizou os serviços para a Federação Estadual de Triathlon do Rio de Janeiro (FETERJ).

Depois do Rio Triathlon foi a vez de o movimento Mentes de Ferro levar o projeto Ecoboat a um evento internacional. A edição de estreia do Tristar Rio no Aterro do Flamengo, no dia quatorze de outubro (2012), reuniu mais de 600 atletas entre profissionais de renome internacional, amadores e personalidades como, Mauro Moraes, João Paulo Diniz e o piloto de Fórmula 1 Luca di Grassi. Trata-se de uma renomada série de eventos de triathlon realizada em lugares do mundo considerados paradisíacos, como Mônaco, Madri e Cannes.

"Agora a ideia é continuar crescendo a rede de parceiros sustentáveis para agregar valor aos eventos esportivos da cidade. Já entramos em contato com o "Ciclo Local" um movimento que faz um excelente trabalho de limpeza e conscientização nas areias das praias. Os atletas muitas vezes não têm local onde jogar o seu resíduo na hora da largada e acontece o que aconteceu na Tristar, no último domingo (14/10/2012). O evento tem essa "pegada socio ambiental" mas pecou na fiscalização e na estrutura que honrasse tal discurso. De que adianta limparmos o mar com o Ecoboat senão temos saneamento nem coleta de lixo no entorno da prova e se no local não há lixeiras ou conscientização. Por isso, decidimos chamar o Ciclo Local como novo e potencial parceiro do movimento Mentes de Ferro!"

Além de servir como mediador entre os eventos esportivos e iniciativas socioambientais, os integrantes do movimento Mentes de Ferro, prestam serviços de Assessoria de Imprensa especializada em Esporte & Sustentabilidade, para a divulgação e co-criação de boas práticas no esporte e construção de uma cultura multiesportiva na Cidade Olímpica, Consultoria em Gestão e Comunicação com + Valor Agregado, visando à melhoria dos eventos na cidade, especialmente os esportivos, sempre em conformidade com a I.S.O 20.121 e ainda estão planejando o lançamento de uma plataforma áudio visual com dois produtos televisivos já registrados na Biblioteca Nacional e no INPI, uma Revista Eletrônica e um reality show.

“Pretendemos, até 2016 resgatar os reais valores olímpicos - respeito, excelência, amizade, coragem, determinação, inspiração e igualdade – e alinhá-los às dimensões da sustentabilidade, social, ambiental e econômica . Para isso, usamos todas as ferramentas disponíveis para resignificar nossa cidade para além de tijolos e concretos” – explica Gabriela Hermes, jornalista e triatleta, integrante do Mentes de Ferro.

O QUE + QUEREMOS FAZER

Negócios Sociais Sustentáveis no Esporte , para incentivar o desenvolvimento de novos negócios no esporte e aprimorar os já existentes, incluindo novos empreendedores na indústria esportiva crescente em nosso país;
Selo “Mentes de Ferro” para produtos licenciados como linhas de roupas esportivas com parte do valor das vendas destinada a projetos do Mentes de Ferro ou apoiados por ele e eventos esportivos e provas esportivas próprias e de terceiros, orientadas pela norma I.S.O 20121..

Aos jornalistas, candidatos ao reality, patrocinadores e clientes, sejam vocês também agentes de transformação e façam parte deste movimento, construindo sociedades + verdes e inclusivas por meio dos multiesportes!


Gabriela Hermes
Triatleta e Jornalista especializada em Meio Ambiente (COPPE/UFRJ) e em Economia e Gestão da Sustentabilidade (IE/UFRJ). Membro-fundadora do Movimento Mentes de Ferro, há um ano divulgando Multiesportes e Sustentabilidade


55 21 9923-0164 / skype: Gabihermes / www.mentesdeferro.com;
Twitter - @Mentes de Ferro

Esporte e Sustentabilidade:
Mentes de Ferro:
Antes de imprimir, pense que tomamos emprestado de nossos bisnetos este planeta e no nosso compromisso em devolvê-lo como um mundo melhor!



quinta-feira, 4 de outubro de 2012

PROTAGONISMO JOVEM


Cidades Sustentáveis com protagonismo jovem 
Wanderson Lucas é um jovem de 13 anos, morador de Cosmos um dos cinco bairros da região administrativa de Campo Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.
Cursa o oitavo ano do ensino fundamental na Escola Municipal Jardim Guararapes.
Wanderson foi um dos 60 jovens convidados a participar do 15º Etransport, Fórum sobre Mobilidade Urbana organizado pela Fetransport(Federação das empresas de transportes de passageiros do estado do Rio de Janeiro). Eles vieram da região metropolitana do Rio para dialogar com outros jovens e profissionais do setor e aprender novos conceitos e tecnologias, permitindo um novo olhar sobre o presente e o futuro do transporte.
 
Eles ocuparam a sala 9 do Pavilhão 5 do Riocentro – Rio de Janeiro. A FETRANSPOR Social, que cuida das ações de responsabilidade social e sustentabilidade da entidade, contou com a experiência em metodologias participativas da PARES, que desenvolveu o projeto “Diálogo Jovem sobre Mobilidade”, de engajamento e conexão com partes interessadas do Sistema FETRANSPOR, tendo os jovens como protagonistas. O espaço chamou-se “Diálogo Jovem sobre Mobilidade” e hoje encerra a jornada de três dias de muito entendimento, vivências reais nos temas sustentabilidade, mobilidade e cidades sustentáveis.
Wanderson foi protagonistas de vários momentos divertidos durante o “Diálogo”. Bem articulado, ele disse que “aperfeiçoou o que já sabia sobre sustentabilidade”, mas descobriu mesmo a diferença entre mobilidade e acessibilidade:
- Acessibilidade é o modo de deslocamento mais fácil e com orientações corretas para onde devemos ir e mobilidade esbarra nos desafios das vias e dos excessos do trânsito – reproduz ele.
Mas Wanderson não perde tempo e já propõe uma solução para este problema de mobilidade urbana dos grandes centros. “Para mim, acho o Governo deveria dividir as cidades em pólos industriais e fazer parcerias de cooperação com os empresários”.
“Eu represento a minha escola na 9ª CRE – Conselho Regional Escolar – quando eu chego na escola depois de um evento assimeu vou direto na secretaria solicitar uma reunião na CRE. Eu sou um multiplicador, em casa, nas ruas e na escola” - completa
No Diálogo Jovem foram realizadas iniciativas diversas: oficinas, palestras e atividades artísticas, além de um desafio. Alguns dos jovens terão de dirigir, filmar e editar um vídeo participativo que demonstre seu olhar sobre a informação e as questões vivenciadas nos três dias de evento, no Riocentro. A inteligência coletiva que emergir dos diálogos será também registrada em papel, com o auxílio de facilitadores gráficos. O vídeo participativo terá a supervisão da ONG Proplaneta. 
 As metodologias participativas aplicadas no espaço foram Diálogos em Aquário, Open Space e World Café. A tônica é a inexistência de hierarquia e a valorização do livre pensar e do compartilhamento de conhecimentos, buscando a emersão de ideias inovadoras e transformadoras. No painel da tarde desta sexta-feira, estarão no mesmo círculo com os jovens, para diálogo aberto, diferentes partes do sistema de transporte, representando um momento de grande riqueza para o Sistema.
O material audiovisual será apresentado na cerimônia de encerramento do 15º Etransport  e posteriormente disponibilizado na internet.

Reportagem: Gabriela Hermes – (21) 9923-0164 – gabihermes@gmail.com
15º Etransport: 3, 4 e 5 de outubro de 2012, Riocentro, Rio de Janeiro – RJ

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Batalha do remos

Evento de Stand Up que acontece há cinco anos na Califórinia acontecerá no Rio de Janeiro, em abril, na Praia de Copacabana, Posto 6, em 2013.

Battle of the Paddle ofereceu na mais recente edição da prova, 29 e 30 de Set/2012, na Califórnia, prêmiação total de $25,000 in cash & prizes (the largest on offer in the sport of SUP)! - conforme informa o site do evento lá.(http://www.battleofthepaddle.com/event-info/)

Os participantes também concorreram ao Guinness World Record, na categoria “the world’s largest paddleboard race”, eles  buscam bater o recorde de “most surfers riding a single wave”, atualmente o recorde é de 110 surfers em Cape Town, em 2009.

MAIS informações, em:

http://supclub.com.br/battle-of-the-paddle-confirma-etapa-no-rio-em-abril/


A “Battle of the Paddle Rio”, será disputada na praia de Copacabana, Rio de Janeiro, entre os dias 05 ao 07 de Abril. É esperada a presença dos maiores nomes da race mundial.



terça-feira, 2 de outubro de 2012

Prainha certificada

Santuário dos surfistas no Rio de Janeiro, a Prainha, poderá ter a bandeira azul hasteada e passará a integrar um catálogo de praias de todo o mundo indicadas ao programa.
FONTE: http://oglobo.globo.com/rio/prainha-candidata-estrela-internacional-6265241#ixzz28CdGH8Ai

FOTO DE O GLOBO - Custódio Coimbra

DE O GLOBO -" RIO - Está tudo azul no paraíso dos surfistas. Com 600 metros de extensão e uma rica e ainda preservada vegetação de restinga, a Prainha foi uma das escolhidas pelo júri do programa Bandeira Azul como candidata a receber o certificado internacional de excelência. No Brasil, apenas a Praia do Tombo, no Guarujá (SP) e a Marina Costabella, em Angra, têm o selo, que é concedido apenas a praias urbanas que atendam a critérios específicos, como balneabilidade e a existência de projetos de educação e gestão ambiental".

Abílio Arantes é presidente da Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro (FESERJ) e se dedica junto à comunidade esportiva local a preservar a Praianha. Ele alerta para os impactos ambientais do lixo: "o lixo mata a fauna e a flora marinha e ainda pode atrapalhar a áreas de competições esportivas  na cidade olímpica!"
 FOTO DIVULGAÇÃO MENTES DE FERRO
Outro grave problema apontado pelo surfista é a colocação de  redes de pesca ilegais próximas à arrebentação, que podem chegar a 18km, como a que foi recentemente coletada mês passado (julho/2012) em Arraial do Cabo, cidade localizada na Região dos Lagos, litoral norte do Rio de Janeiro. Abílio não tem dados sobre afogamentos provocados por redes no Rio. Mas lembra que no Sul do país a surfista Renata Turra Grechinski foi vítima fatal da pesca clandestina enquanto surfava no Litoral do Paraná, e que mergulhadores cariocas já relataram acidentes do tipo. A morte de Renata foi publicada pelo jornal Gazeta do Povo, no dia três de fevereiro de 2012.

DE O GLOBO - "Sônia Peixoto, gerente de gestão de unidade de conservação da Secretaria municipal de Meio Ambiente, constar dessa seleta lista de praias belas e preservadas é importante tanto para divulgar o cenário paradisíaco da Prainha como para reforçar no próprio carioca a importância de continuar cuindando do local."

Com o objetivo de fomentar ainda mais iniciativas voltadas para preservação ambiental dos ambientes marinhos e litorâneos, o Programa Costa Atlântica, da Fundação SOS Mata Atlântica, distribuirá R$ 300,00 mil a iniciativas preservacionistas. Para ganhar os incentivos projetos e entidades envolvidas com o tema deverão se inscrever pelo site HTTP://gerenciasos-ma.org.br ou pelo correio. O edital pode ser lido pelo site: WWW.sosma.org.br.
No início do ano, o secretário estadual do Ambiente Carlos Minc, lançou o “Sena Limpa”, projeto que pretende investir R$150 milhões, até 2014, para despoluir seis praias, na da Zona Sul e a da Bica, na Ilha do Governador. No total existem 184 praias em todo o estado.

DE O GLOBO - "Até o fim do ano, a prefeitura promete concluir uma série de ações para melhorar o acesso, a segurança e o controle ambiental na Prainha. O conjunto de obras, no valor de R$ 500 mil, inclui a implantação de um bicicletário e de uma ciclovia. Todas as modificações fazem parte do documento de compromissos enviados no ato da candidatura, e deverão ser concluídas até 15 de dezembro, prazo estabelecido pelo programa".

Trezentos mil dali, 150 milhões de acolá, outros 500 mil daqui, enfim vamos acompanhar as benfeitorias prometidas!

 

Da corrida para o Triathlon - Mentes de Ferro destacando boas ideias


Primeiro treino na Vista Chinesa da empresária Sylvia Feijó

http://www.youtube.com/watch?v=kGYe0Tcb7qk

Atualmente ela mora na Austrália, mas em 2012 havia se proposto um desafio, migrar da corrida de aventura para o Triathlon.

Ela alcançou o objetivo em parte, já que a vida profissional deu uma guinada e ela teve que morar na em outro continente!

Mas ficam aqui registradas - no programa Multiesportes- sua revista eletrônica para uma vida + ativa, do canal Mentes de Ferro - as imagens de um dos locais preferidos de corredores, ciclistas, turistas e triatletas.
A Floresta da Tijuca é o pulmão da Zona Sul do Rio de Janeiro, o local é preservado pelo Instituto Chico Mendes.

Aqui o alteta vai conquistando a montanha. O primeiro trecho tem logo de cara uma curva em subida que já mostra o que se terá pela frente. Depois alcançamos a cachoeirinha e  aí vem um trecho difícil! depois o pedal amacia e chega-se ao primeiro mirante:  a Vista Chinesa (com um monumento de concreto, mas com uma pintura que lembra o bambu). Foi construído em homenagem aos chineses, que trouxeram o cultivo do chá para o Brasil, no início do século XIX. O local foi adotado por uma marca carioca de roupas, cujo dono é triatleta, frequentador desta área de treino e turismo.

O próximo objetivo é chegar à Mesa do Imperador. Tem este nome porque recebia a visita constante de D. Pedro II, quando em seus passeios à floresta.

A parada aqui é obrigatória, a não ser que você não seja turista e também seja um atleta experiente em treino contínuo! 

Um "fôlego" vem adiante, descidas, mas com algumas subidas leves e curtas.

Mantendo-se à direita você acaba chegando em uma estrada que liga a Zona Oeste à Zona Norte do Rio conhecida como Estrada do Alto da Tijuca.

Seguindo o fluxo por 400m aproximadamente você encontra um posto de gasolina. Bem estratégico para repor líquido e a alimentação.

Sylvia parou o treino aqui.
Mas ainda teria que passar pela Estrada das Paineiras até chegar aos pés do Cristo Redentor, maior e mais conhecido símbolo da cidade! fonte www.parquedatijuca.com.br 

#éprecisotermentesdeferro !