Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2011

Os dilemas da Globalização

Imagem
Índice para leitura: 1)    Afirmação de Stanley Fisher e definições; 2)    Problematização com Eric Hobsbawm; 3)    Globalização e como ela amplia as desigualdades; 4)    Política Internacional, Comércio exteriro e a globalização; 5)    A “OMC Ambiental”; 6)    Desafios das Organizações Internacionais; 7)    Lado positivo da Globalização; 8)    Resumo dos problemas gerados pela Globalização.     (1)Em janeiro de 2003, Stanley Fisher afirmou na Associação Econômica Americana que “globalização é um processo complexo e multifacetado crescente que cria interdependência entre países e seus cidadãos ”. Stanley concordou com os críticos da globalização que existem muitos problemas . Segundo ele, alguns são relacionados com a economia , outros não, estariam ligados a “ aspectos da vida ”, outros surgiriam do “ processo de integração , outros não”. A afirmação do economista Stanley Fisher fornece algumas características da globalização. De fato, a globalização não foi inventada por ninguém.

Emprego verde economia verde, que diabo verde é esse?

Green Jobs, crime do colarinho verde, economia verde Estes termos aos poucos se tornam freqüentes. O " verde " não é mais tendência, virou moda e regra. Leis ambientais são cada vez mais exigentes e os consumidores se tornam a cada dia mais conscientes. Surge então o ecoprotecionismo no comércio internacional, a competitividade  ganha valores intangíveis, nunca antes mensurados.  Recentemente, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) concluiu no relatório Skills que a nova ordem mundial, ou seja a nova forma de se produzir, distribuir e consumir, chamada por ECONOMIA VERDE, vai precisar de novas competências profissionais. Traduzindo, a economia verde se expande, mostra seu potencial e exige trabalhadores capazes de pensar em produzir mais, já que a população mundial chegará em 9 bilhões de pessoas e menos pobreza extrema, ou seja mais pessoas com mais potencial de consumo, com menos impacto, menos recursos naturais, ou seja com mais eficiência e eficácia. A carên