terça-feira, 19 de junho de 2012

Fazer junto levanta o estado de ânimo, como a economia se beneficia?

Na ciência, há três trios básicos de construção da felicidade:
  • Pesquisar o bem-estar;
  • Elementos que criam felicidade;
  • Quando?Como?o quê?
Produção de saúde mais forte em pessoas mais felizes, menos custos do governo e privados com planos de saúde.

Generosidade, vc faz mais por si proprio quando faz mais pelo outro, imagina o potencial de transformação que isso tem para se alcançar o desenvolvimento sustentável.

Experiências em países  felicidade és uma situação de vantagem mútua.

  • Mensurar - a felicidade deverá se tornar os objetivos das políticas públicas, felicidade para além da diversão. Já existe o relatório mundial da felicidade. 
 Ban Ki-moon, o secretário-geral das Nações Unidas declarou: “O Produto Interno Bruto há muito que tem sido o critério pelo qual foram medidas as economias e os políticos. No entanto, não tem em consideração os custos sociais e ambientais do chamado progresso. Precisamos de um novo paradigma económico que reconheça a paridade entre os três pilares do desenvolvimento sustentável. O bem-estar social, económico e ambiental são indivisíveis. Juntos definem a Felicidade Global Bruta.” 

O relatório refere ainda que “a lógica dos economistas ocidentais do cada vez mais alto Produto Nacional Bruto está construído sobre uma visão da humanidade em completo desacordo com o conhecimento dos sábios, a investigação dos psicólogos (...) O economista assume que os indivíduos são decisores racionais, que sabem o que querem e como obtê-lo ou chegar o mais perto possível disso dado o seu orçamento. Os indivíduos importam-se em grande parte com o seu prazer especialmente através do seu consumo. (…) Cada vez mais entendemos que precisamos de um modelo de humanidade muito diferente."

Nenhum comentário: