quarta-feira, 19 de outubro de 2011

“A Casa que o amor construiu, a Internet abraçou!”

E como na vida real, o importante é o ato de abraçar.
Não importa como e quantas vezes.
O importante é abraço.


A Casa Ronald McDonald do Rio de Janeiro foi a primeira na América Latina e tem o compromisso em oferecer uma "Casa longe de casa" para crianças e adolescentes em tratamento contra o câncer, mais acompanhante, de outros estados e municípios, em tratamento no Rio de Janeiro. Desde a sua fundação em 1994, a Casa já recebeu mais de 2 mil pequenos pacientes e, só no ano passado, contou com 250 voluntários atuantes. 

A Casa Ronald oferece vários programas na área social e psicossocial, como o de distribuição de Bolsa de Alimentos e cursos profissionalizantes para as mães. Atualmente, são 405 voluntários que se dedicam em diversas atividades, desde tarefas administrativas e operacionais até aquelas de atendimento direto às crianças, adolescentes e seus acompanhantes.

A primeira Casa Ronald McDonald foi inaugurada em 1974, na Filadélfia, Estados Unidos, com o objetivo de ser uma casa de apoio ao tratamento do câncer infanto-juvenil. A iniciativa ganhou abrangência mundial e hoje são mais 307 Casas Ronald McDonald, espalhadas por 30 países e regiões.

Para mais informações, www.casaronald.org.br .



Nenhum comentário: